Como Manter-se Seguro Online: 10 Dicas Fáceis de Seguir para 2024 - TechRobot

Como Manter-se Seguro Online: 10 Dicas Fáceis de Seguir para 2024

A cibersegurança é um termo usado para descrever a segurança online. Está rapidamente se tornando um tópico popular devido ao aumento das taxas de infrações cibernéticas registradas diariamente. Essas infrações cibernéticas incluem cyberstalking, golpes de phishing, invasão de privacidade, roubos de identidade e muito mais. Os efeitos dos crimes cibernéticos em indivíduos e corporações são amplos e extremamente adversos. Como tal, devemos tomar todas as medidas necessárias para garantir que eliminemos todas as ameaças previsíveis à nossa cibersegurança.

Embora seja impossível eliminar todas as possíveis ameaças cibernéticas, podemos aumentar nossa segurança online evitando algumas delas. Ao fazer isso, também estaríamos mitigando as consequências severas da violação cibernética em nosso ciberespaço ao mínimo indispensável.

Este artigo vai lançar alguma luz sobre a importância da segurança cibernética. Também fornecerá as dicas relevantes de que você precisa para se manter seguro online. Venha conosco!

Por Que a Segurança Cibernética é Importante?

Não é novidade que vivemos em um mundo digital. Todos os dias, continuamos descobrindo mais maneiras de melhorar a qualidade de nossas vidas por meio da internet. Mas à medida que nos aproximamos ainda mais da internet, enfrentamos ameaças específicas que tentam diminuir nosso prazer nela. Essas ameaças são multifacetadas e podem causar danos sem precedentes se não forem controladas. Manter a segurança cibernética é essencial para garantir que estamos o mais distante possível dessas ameaças.

Se você gerencia uma loja de e-commerce, é provável que já entenda o papel crítico que a segurança cibernética desempenha na manutenção da credibilidade da sua marca. Compradores online priorizam a segurança cibernética e só fazem compras em sites que são seguros e podem garantir a segurança das suas informações.

No entanto, a segurança cibernética não beneficia apenas os proprietários de negócios online. Seja você um indivíduo apenas se conectando com amigos na internet ou uma organização esperando alcançar um público mais amplo, você deve priorizar a segurança cibernética pelas seguintes razões:

1. Proteção de Informações 

Algumas informações ou dados pessoais são tão sensíveis que causariam danos inimagináveis se caíssem nas mãos erradas. A cibersegurança garante que essas informações sensíveis sejam mantidas privadas e protegidas da vista de olhares curiosos. Se você possui um negócio online, proteger os dados de seus clientes deve ser uma prioridade máxima, pois você deseja manter uma boa reputação e evitar as tensões legais decorrentes de dados comprometidos. A cibersegurança não apenas ajuda seu negócio a construir a confiança do cliente, mas também mantém os dados do seu negócio fora do alcance de seus concorrentes que podem querer usá-los em sua desvantagem.

2. Proteção de Transações Financeiras 

A internet proporcionou uma plataforma mais rápida e conveniente para transações financeiras por meio de bancos online e comércio eletrônico. Com essa vantagem, surge o ônus da fraude financeira. Dicas de segurança na internet ajudam você a evitar os métodos de golpe padrão usados por fraudadores online. Seguir as dicas relevantes de segurança cibernética ajuda a manter você alerta e reduz o risco de perder seu dinheiro suado para cibercriminosos.

3. Prevenção de Roubo de Identidade

O que é pior do que roubar informações sensíveis online? Roubo de identidade é. Roubo de identidade não significa apenas que seus dados sensíveis foram roubados; também significa que alguém os usa para cometer fraude. Não apenas esses ladrões de identidade podem fazer você perder dinheiro, mas também podem cometer um crime em seu nome. Sim, você pode ser preso por um crime cometido por alguém que roubou suas informações pessoais. Resolver casos extremos ocasionados por roubo de identidade é exaustivo e consome muito tempo. Às vezes, o sofrimento emocional resultante é horrendo. Praticar segurança online torna você menos vulnerável ao roubo de identidade.

Dicas para Ajudar Você a Permanecer Seguro Online

Agora que você entende a criticidade de se manter seguro na internet, o que você pode fazer para garantir sua segurança enquanto navega na web? Aqui estão algumas dicas cruciais para ter em mente se você quer se manter seguro online:

1. Use uma Conexão de Internet Segura

Uma conexão segura utiliza criptografia para proteger o fluxo de dados entre dois dispositivos. Conexões de Internet inseguras (ou conexões não criptografadas) facilitam para hackers e atacantes maliciosos obterem informações que não são destinadas a eles. Com a criptografia, as informações roubadas tornam-se inúteis para os ladrões de dados, pois eles não seriam capazes de lê-las. Uma maneira de proteger sua conexão de internet é evitar usar WiFi público. Você também deve usar uma conexão VPN segura o tempo todo.

2. Use Senhas Fortes e Incomuns

Ter uma senha fraca é equivalente a deixar sua chave na porta após trancá-la. Não é segurança alguma. Muitos hackers continuamente tentam diferentes senhas possíveis antes de finalmente conseguir a correta. Você pode frustrar os esforços deles usando senhas que são únicas e difíceis de adivinhar. Por exemplo, qualquer pessoa bisbilhotando seu perfil na internet saberia o nome do seu cachorro. Usar o nome do seu cachorro como senha é, portanto, uma péssima ideia.

Garantir que sua senha seja forte assegura que ela combine letras, números e símbolos em maiúsculas e minúsculas.  Você deve manter suas senhas privadas. Não use uma senha para várias contas e certifique-se de que suas senhas sejam as mais longas que você conseguir lembrar também. Quanto mais longa a senha, mais segura ela é.

3. Ative a Autenticação de Múltiplos Fatores nas Suas Contas

Além de usar senhas fortes, você pode elevar o nível da sua segurança online habilitando a autenticação de múltiplos fatores em todas as suas contas. A autenticação de múltiplos fatores protege os usuários da internet contra hackers ao exigir mais do que apenas uma informação para acessar um site ou aplicativo. Os requisitos podem ser senhas, biometria, tokens, etc. A autenticação de múltiplos fatores compensa os riscos de um hacker ganhar acesso a um sistema de computador através de uma senha comprometida. Ela exige informações adicionais para verificar a autenticidade do usuário.

4. Limpe o Seu Histórico de Navegação e Saia dos Sites ao Terminar 

Uma das práticas mais simples e, ainda assim, mais importantes na internet é sair dos sites e limpar o histórico de navegação ao terminar de usá-los. Eis o motivo — Quando você faz login em um site, são criados cookies de sessão. Esses cookies de sessão ajudam o site a identificar você. O site sabe que você não está mais disponível quando você sai e, como tal, para de receber solicitações dos cookies.

Hackers podem roubar esses cookies e usá-los se você não sair quando necessário. O site não pode distinguir os usuários e sempre assumirá que é você, porque você está logado. Você não deve apenas sair dos sites, mas também limpar seu histórico de navegação. Limpar o seu histórico de navegação é como limpar depois de você — impede que qualquer usuário não autorizado pegue seu rastro e monitore suas atividades online.

5. Filtre Seu Conteúdo Antes de Postar

Você nunca pode ser cuidadoso demais quando se trata de postar conteúdo online. Você deve entender que existem certos tipos de informações que você nunca deve postar online. Suas postagens devem ser sempre civilizadas, respeitosas e não provocativas para evitar ser alvo de cyberbullies. Filtrar seu conteúdo antes de postar também ajuda a peneirar informações específicas que devem ser pessoais para você. Ao filtrar as informações que podem ser divulgadas ao público, esforce-se para manter seus perfis confidenciais. Manter seu perfil privado garante que estranhos não acessem informações destinadas ao seu consumo.

6. Não Forneça Informações Pessoais a Estranhos

Você está a apenas um clique de conhecer alguém novo nesta era digital. Embora isso nos ajude a melhorar nossas habilidades sociais, devemos sempre trilhar este caminho com cautela. Assim como é offline, nem todas as pessoas que você encontra na internet têm boas intenções. Por essa razão, você deve ser cauteloso ao interagir com alguém que conheceu online. Informações privadas, como seu endereço, nome completo, número de telefone ou até mesmo seu centro de recreação favorito, podem ser exploradas por pessoas perigosas. Ao encontrar pessoalmente alguém que conheceu na internet, insista em um ponto de encontro público e certifique-se de ir com alguém de confiança.

7. Atualize Regularmente o Software do Seu Computador

As atualizações de software são para nosso benefício. Na maioria das vezes, os desenvolvedores de software veem a necessidade de atualizar seus softwares se descobrem vulnerabilidades que o tornam suscetível a ataques cibernéticos. Eles aprimoram seus sites corrigindo essas vulnerabilidades e melhorando a segurança do software. Garantir que você instale as últimas atualizações de software no seu computador coloca você alguns passos à frente de possíveis cibercriminosos.

8. Instalar um Firewall 

Um firewall atua como uma barreira para proteger seu sistema de computador contra acessos não autorizados e ataques maliciosos. Instalar um firewall no seu computador ajuda a filtrar os dados recebidos para garantir que eles sejam seguros o suficiente para o seu computador. Ele faz isso cruzando os dados recebidos com parâmetros pré-definidos para verificar se seus requisitos foram atendidos antes de aceitá-los (ou rejeitá-los).

Um firewall não luta apenas contra hackers e malware; ele também permite que você proteja dados que deseja manter bloqueados. Os usuários podem configurar um firewall para bloquear conteúdos que consideram inapropriados ou que não querem ver por qualquer motivo. Alguns pais usam um firewall para controlar o que seus filhos veem na internet —  esta é uma forma de segurança na internet para crianças.

9. Tenha Cuidado com Seus Downloads 

Assim como você deve ter cuidado com o que você faz upload na internet, você também deve ser cauteloso ao baixar conteúdo online. Alguns hackers são espertos o suficiente para embalar malware e apresentá-los a usuários desavisados da internet como aplicativos úteis. Esse malware pode roubar dados sensíveis do seu computador se for baixado. Para evitar isso, sempre baixe aplicativos e programas apenas de sites confiáveis. Prestar atenção ao que você baixa ou clica também pode ajudá-lo a evitar ser vítima de golpes de phishing.

10. Use Motores de Busca que Não Rastreiam

Como discutimos anteriormente, os sites usam cookies para identificar usuários e fornecer uma experiência de cliente de primeira linha para seus usuários. Esses cookies podem ser sequestrados por ciberatacantes e usados para rastrear suas atividades online e históricos de navegação. Você pode reduzir os riscos de violações de privacidade removendo cookies ou usando motores de busca que não rastreiam você.

Conclusão

Desde o roubo de dados até hacking, invasão de privacidade, ataques de malware e até mesmo cyber-stalking ou bullying, os riscos associados ao uso contínuo da internet são inúmeros demais para mencionar. O fato de que a tecnologia muda com velocidade de jato invariavelmente predispõe os usuários da internet desavisados a métodos mais novos e intensos de ataques cibernéticos. Por essa razão, os usuários da internet devem estar sempre alertas e proativos ao usar a Internet.

Para alcançar a segurança cibernética, é necessário que os usuários da internet dediquem um tempo de qualidade à prevenção em vez de à cura. Priorizar medidas preventivas em detrimento das curativas garante que evitemos os efeitos adversos de ataques cibernéticos dos quais podemos nunca nos recuperar se ocorrerem.

As dicas de precaução mencionadas acima são vitais para proteger suas informações pessoais online em todos os momentos. Sua jornada para a segurança online e proteção de informações começa quando você as segue rigorosamente.